Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

do alto do meu castelo

Se não puder escrever sobre o que penso, sobre o que sinto, sobre a vida, sobre este mundo retorcido, cortem-me as mãos e, por via das dúvidas, cosam-me a boca. De outra forma, não vou calar-me! Só os loucos podem mudar o Mundo.

do alto do meu castelo

Se não puder escrever sobre o que penso, sobre o que sinto, sobre a vida, sobre este mundo retorcido, cortem-me as mãos e, por via das dúvidas, cosam-me a boca. De outra forma, não vou calar-me! Só os loucos podem mudar o Mundo.

A propósito de notícias que mexem por aí

Porque hoje me perguntaram se não há nada que ande a mexer-me com os nervos, e que me leve a fazer aquelas dissertações críticas geniais pelas quais se pauta este meu espaço! (Or not...)

Na verdade, não há uma temática a despertar-me aquele interesse doentio que me faz corroer por dentro enquanto não atiro uns bitaites sobre o assunto.
Ora vejamos o que se passa neste nosso pequeno mundo:

Bruno de Carvalho é o novo presidente do Sporting, contra todas as minhas previsões. E não vou debruçar-me mais sobre este assunto porque este não é um blog sobre futebol, e eu, claramente, não sou entendida no tema.

No Chipre anda tudo doido com as aprovações das taxas sobre os depósitos. Nos últimos dias já li notícias sobre impostos desde os 10% aos 30% que vão incidir sobre depósitos de 100 mil euros. Consta que os ciprianos (eu gosto de chamá-los assim) estão loucos de alegria com estas medidas 'sugeridas' pelos manda-chuva europeios (okay, esta foi só porque me lembrei de uma amiga minha!). Tendo em conta que estes nossos companheiros cipriotas (sim, eu conheço a designação correcta!) votaram a adesão à moeda única em 2008, a esta altura devem estar a esconder a cabeça de vergonha, nas suas almofadas.
Ainda a esta propósito, quando a notícia estourou, logo o drama se instalou em Portugal com a oposição a cair em cima do pequeno Gaspar 'Ah e tal então e nós? Essas modas também hão-de parar por cá?'. Pessoalmente não percebo o porquê do pedido de explicações. Perdoem-me a ignorância mas...há assim uma grande fatia do povo português com 100 mil euros depositados em bancos? Em caso afirmativo, por que raio estão tão aborrecidos com o aumento da taxa de desemprego?
De qualquer forma, eu se fosse cipriana (ah, ah, ah) não ia ficar por feliz, ao acordar um dia de manhã, ir ao multibanco levantar dez euros, e a máquina dizer-me 'Vai mas é para casa que hoje não há nada para ninguém!'

Entretanto parece que a generalidade dos portugueses está indignada com a RTP por ter contratado ou convidado ou sei lá o quê, José Sócrates como comentador político do canal. Julgo que tem um bocado a ver com o facto de ter coincidido com o despedimento de Nuno Santos do canal público.
Outro drama que não compreendo. 'Ah porque o Zé afundou o país e não percebe nada de política', 'Ah, porque não tem vergonha na cara', 'Ah porque dói-me a barriga e a culpa é dele'. Enfim...toda uma panóplia de motivos que justificam com tremenda causa o porquê de tanta indignação.
Quanto a este assunto, aproveito para colocar algumas questões:

O José terminou ou está a terminar uma licenciatura em filosofia. Não tem, como toda a gente, direito a um estágio curricular, não remunerado, numa área que nada tem a ver com a sua formação?

Recordem-me por favor, não foi ele que ganhou as eleições duas vezes? E se bem me lembro, foi ele que se demitiu depois do PEC 4 não ter sido aprovado, certo? (Oh, que saudades dos tempos em que um PEC era o nosso maior problema!)

Se não me falha a memória, foi esse senhor que não pôs paninhos quentes e alertou logo para a gravidade da situação que ia atravessar-se.
Depois veio o Pedro que nos intrujou a todos com falinhas mansas, peremptórios 'comigo não!' e 'eu é que sei o que é melhor para o país!'. O que é que aconteceu a seguir?

Francamente, não era pior se fosse o Miguel Relvas?

Bom, mas quarta-feira certamente que estaremos todos, ou grande parte de nós, agarrados à televisão, prontos a escutar tudo o que o José tem a dizer. Vai ser giro depois começar a ver os anti-Sócrates a gritar 'volta por favor' ou 'afinal a culpa não foi tua'.
Os portugueses, e seres humanos em geral, têm memória curta e selectiva. Tendem também, a unir-se em torno de um inimigo comum.

E porque este texto já vai longo, uma última consideração estúpida sobre um assunto delicado:

Tomara ao Carlos Cruz e companhia que nos tempos deles já existisse Ask. Poupavam-se imensas situações desagradáveis, e ainda poderiam alegar ter sido eles os aliciados pelas criancinhas para fins sexualmente condenáveis. Eu acreditava.

E uma curiosidade: O novo filme de Brad Pitt dá pelo nome de World Wide Z (de zombie) e tem qualquer coisa a ver com uma guerra mundial em que somos atacados por zombies...
Isto merece algum tipo de comentário?

Ah, quase me esquecia! Foram inaugurados uns cruzeiros de luxo no Douro com pompa e circunstância, cujas convidadas de honra foram a Sharon Stone e a Andie Macdowell. É tão bom ver que Portugal continua a ser mais importante para o bem-estar dos turistas, do que para a vida dos portugueses...
É isto e a importância que se dá ao Jamie Oliver por usar tábuas de cozinha fabricadas em Portugal...

2 comentários

Comentar post

O Castelo

foto do autor

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D